POR UM FIO



Injeta sangue no meu corpo

Para que estrofes jorrem destas

Minhas mãos que já perderam

As linhas do amor.



Ontem você alinhavou o meu

Destino, costurou meus desatinos:

Havia tantos remendos na minha

Alma, tantos sentimentos puídos:



Minha vida está por um fio

E eu sinto o tempo esgarçando

Rapidamente, como aquela calçca

Jeans que viveu todas as minhas emoções.



Esses silêncios apenas você pode

Cerzir.



Karla Bardanza





Comentários

Postagens mais visitadas na última semana