QUASE MÃE



 Tina Spratt






Ela atravessou o tempo,
colocando as mãos nos ouvidos
para não ficar para trás,
escutando o que queria apenas.

E mesmo agora,
depois de conhecer
o conhecido,
ainda não sabe nada
além do que sente.

Observo-a enquanto
abro o livro do esquecimento,
falando pouco,
vazia de conceitos,
virtudes e vento.

E mais uma vez,
pego as suas mãos
com a ternura dos vencidos,
com o medo necessário
que apenas o amor conhece
porque daqui para frente,
ela é apenas de si mesma
e eu,
e eu
apenas conselhos
e limitação.



Karla Bardanza





Copyright © 2013 Karla Bardanza Todos os direitos reservados Photobucket

Comentários

Postagens mais visitadas na última semana