EU TENHO FILOSOFIAS SEM SENTIDO

Patricia Rorie





A serpente não entende
o destino da estrela
obrigada a brilhar
mesmo quando não quer.

A estrela não entende
o destino da serpente:
sempre rastejando
e atacando mesmo
quando não quer.

E enquanto Simone de Beauvoir
inclui-me no segundo sexo,
eu renego outra vez este
destino de mulher.



 Karla Bardanza



Copyright © 2013 Karla Bardanza Todos os direitos reservados Photobucket

Comentários

Postagens mais visitadas na última semana