MÁGOA




Grande é o silêncio
Do meu coração
Quando o pensamento
Traz os teus olhos
Com o vento...

Fecho minhas portas
E janelas.Levanto meus
Muros.Escuro ao redor...
Escuro...Estou só...
E você?

Cerro o meu coração.
Mágoa...Mágoa desaguando
Em minhas veias.Tinta cruel
Pintando uma teia.Minha dor.

Grande é o deserto
Onde deixei este amor.
Sede de beber teu corpo,
Tocar a begônia que
Ainda ficou...Sede que
Ninguém ainda saciou...

Mágoa...Ela do meu lado,
Esparramada em minha cama.
Lembro de ti, ela me chama.
Faca enterrada rasgando
Cada dia mais um pouco.
Soco no rosto.

Mágoa marcada
Cunhada em ferro e luar.
Mágoa por você tão bem,
Tão profundamente me machucar.

Karla Bardanza

Comentários

Postagens mais visitadas na última semana