BALÉ DO INFINITO DESEJO




Vaga música, acordes para além
Dessa melodia de corpos e peles.
Danço, face a face com o desejo.
E sinto o que se levanta e encanta
E me toca...Rasgando com dentes
E unhas minhas costas, pernas e
Ferida, penetra frinchas com luz.
Ecos de mim atravessando olhos,
Em vaga música, em passos com
Coreografia de bocas e mãos, de
Pés e ombros...Balé do infinito, te
Sinto no som do vento. No pulsar
Pungindo meu prazer...Cadência
Perfeita, encontro de ritmo e ser
Morrendo no compasso de viver.

Karla Bardanza








Comentários

Parabéns, moça!
Gostei de tudo q li, escreves com alma!

Bjs
Mirtes Waleska
http://mirteswaleska.blogspot.com

Postagens mais visitadas na última semana