POEMA DE SONHO E SURPRESA



E se apenas um sonho me restar,
Vou querer um sonho do tamanho
Do mar encharcado de pérolas e luar.

E se a felicidade cair em meus braços,
Vou tatuá-la em brisa e em bela rosa
Onde sou borboleta e pétala charmosa.

E se a esperança pousar em minhas mãos,
Vou guardá-la perto da delicadeza, entre
Os silfos, as fadas e em eterna surpresa.

E se a ternura viajar pelos meus olhos,
Vou levá-la para o infinito e entre plumas
E espumas, ela vai ser seu próprio mito.

E se uma canção tocar pelo meu doce céu,
Vou querer uma melodia da tessitura de
Uma nuvem e com notas de profundo mel.

E se o amor vier me encher de beijos e luz,
Vou me multiplicar em flor e eternidade
E acariciar teus cabelos de cor e saudade.

E se após tudo, eu ainda puder escrever,
Vou escrever um poema pleno de alegria
E encanto para celebrar o nosso prazer.

Karla Bardanza

Comentários

Postagens mais visitadas na última semana