A FILOSOFIA DO PRAZER


Em desertos distantes,

minha alma vive cercada

de luares e alguma magia.

Vivo o instante sem

buscar qualquer filosofia.

Guardo estrelas nas mãos e

todas as linhas do destino

são pontes para o um deus

que está sentado em meu coração,

calado e cheio de paixão.

Cada dia sou um pouco mais

o que fui e tudo o

que posso ser e se eu puder

arrancar algo das mãos

da vida, será apenas o

meu próprio prazer.


Karla Bardanza

Comentários

Rudá disse…
Num cantinho perto de mim
Vive uma amiga que é pura magia

E ela tanto vai quanto vem
É grão de areia moldado pelo vento
Amor eterno feito de um infinitos momentos que nada segura ou contém

Seja noite ou seja dia, já desisti de brigar... Sou cativo da sua poesia!

Beijo, Karla!

Rudá

Postagens mais visitadas na última semana