FLAMENCO



Quando ela dança,

Os pés sonham,

As mãos tecem enigmas

E todo o universo está acessível

Aos olhos e ao coração.



A vida rodopia

Com uma rosa vermelha

Nos cabelos e todos os passos

Perdem-se na eternidade

Enquanto a música conclama

Todas as estrelas e o luar.



No ritmo desses acordes,

Acordo um pouco mais

Encantada e se você me

Perguntar quem ela, te direi:

É apenas uma fada.



Karla Bardanza

Comentários

Postagens mais visitadas na última semana