QUEM É QUE MANDA?


Quando ela o fere

Com o salto agulha,

Fazendo toc-toc-toc

No coração trapaceiro

Dele, ela se sente um

Pouco melhor.



Pisa nele de tão

Cansada que está.

Depois levanta e diz

Que não tem nada

Para jantar. Vira as

Costas, bate a porta

E sai toda altiva e

Cheia de soberba

Fria.



Senta no primeiro

Bar e enche a cara

De poesia.

Quando volta pra

Casa, cheia de gás

E de asa, violenta

Ele todinho, sem pena,

Perguntando com

A cara mais sacana,

Enfiando no peito dele

A surda faca:

- Diz ai seu babaca,

Quem é que manda

Nessa zona?

Diz ai que ainda é

Tua dona?





Karla Bardanza







Comentários

Postagens mais visitadas na última semana