VOCÊ TEM UM LENCINHO DE PAPEL POR AI?

                        
Esses olhos azuis
vigiam o meu corpo
que escorre tão sem freios.

Esses olhos azuis
arrebentam os meus seios
e eu estou cansada demais
para pensar, sentir,
gostar.
(você tem um lencinho de papel por ai?)

Minha garganta inflamada,
minha sinusite, minha rinite
e todas as minhas alergias
atrapalham a poesia
que quer passar
enquanto eu espirro 
mais uma vez.

Sento para sentir,
e sinto apenas esses olhos
aqui e ali.
Nada tenho a declarar.
Fechei para balanço.
(Quando é que vou voltar a respirar?)

Quero apenas cuspir
e ser feliz.
Quero apenas fugir
desses pingos nos is.

Agradeço a gentileza,
as palavras,o bolo e tudo mais.
Mas, neste exato momento
só quero mesmo tossir
em paz.




Karla Bardanza



                               Copyright © 2011 Karla Bardanza Todos os direitos reservados

Comentários

Postagens mais visitadas na última semana