A ALMA DO MAR


Escuto a alma do mar,
Vastidão ao redor...
Profundeza a me levar.
Abismo tão maior...

Silêncio...Silêncio...
Se eu dormir,
Não devo acordar.
De olhos fechados,
Meu corpo a flutuar...
Pedaços colados
De quem não pode
Mais se encontrar.

Leveza calma,
Correnteza sem fim
A me puxar para
Tão além de mim.

Karla Bardanza

Comentários

Postagens mais visitadas na última semana