A DESCOBERTA


Alguma coisa o atravessou...
Algo perfurou os seus olhos
E ele entrou em curto-circuito.
Sentiu o sangue morrer.Depois,
As pernas...Onde estavam elas?

Ficou parado no meio do nada,
Isolado da multidão e do bater
De seu próprio e denso coração.

Do outro lado da rua, uma mulher
Aos beijos e sorrisos nos braços
Do abismo...A vida congelou...

E ele nada mais viu...
Salvo a aliança que de seu dedo
Caiu.

Karla Bardanza

Comentários

Postagens mais visitadas na última semana