DUPLA CIDADANIA



achei que estivesse

do lado dentro das belezas

delicadas.



achei





se me perguntarem onde

estou agora, direi que

estou no exílio.





ou talvez não diga nada.





na distância,

encolho a terra,

acolho o silêncio,

tenho dupla cidadania.





ora minha pátria

é você,

ora apenas a poesia.









Karla Bardanza







Comentários

Postagens mais visitadas na última semana