ESPERANÇA E FELICIDADE


Espero a felicidade pousar em minhas mãos
Em noites iluminadas por corações cheios
De esperança e encantamento de flor.
Espero o amor vir para mim em insones
Momentos de entrega e deslumbramento.
Tempo, tempo diluindo em espelhos,
Em sonhos que acordam cada dia com
Olhos de futuro.Espero o que pode chegar.
Espero calada, silenciosa mulher pisando
Descalça pela madrugada delicada.
Sento à beira de mim e sinto um jardim
Abrindo em bela claridade, em fantasia
E luar, em amante luar.Amiga de devaneios
E imaginação sagrada, inspiração cálida.
Sento e espero a mente clarear, o medo
Fugir enquanto a felicidade me procura
E num acesso de profunda loucura, escrevo
Poemas, escrevo a espera e a esperança.
Escrevo a criança que ainda deseja dentro
De mim.Sou um ser siderante, distante
E crente no que há de ainda vir.Espero
E espero a felicidade.Enquanto ela não
Chega, resta-me sonhar e talvez sorrir.

Karla Bardanza

Comentários

Postagens mais visitadas na última semana