TE SINTO AQUI

Quadro de Nathalie Vogel




Te sinto aqui.
As águas fazem curvas,
o delírio amarra as mãos,
o corpo existe.

Te sinto aqui.
O sentido não tem palavras,
os olhos nada vêem,
a pele entende.

Te sinto aqui.
Te sento aqui.

E nem preciso de fim
para chegar lá
onde as amoras e as cerejas
escorrem.

Te sinto aqui.
E morro
em metades
colhendo o melhor
de mim.



Karla Bardanza





Copyright © 2011 Karla Bardanza Todos os direitos reservados Photobucket

Comentários

Postagens mais visitadas na última semana