O VÔO MAIS ALTO

Quadro de Maria Pace-Wynters



Sentou no trapézio
e o rosto ganhou cores
que ela desconhecia.
Sentiu os desenhos
criando coisas
estranhas
dentro
dela.

A face
parecia
um rosto
que ela já tivera,
os olhos
abriram-se.
O coração
fez malabarismos.

Para o alto
ela foi
e nunca
mais voltou.


Quando me
perguntam
quem era ela,
respondo apenas
que era a pétala
de uma flor.



Karla Bardanza


Copyright © 2012 Karla Bardanza Todos os direitos reservados Photobucket

Comentários

Postagens mais visitadas na última semana